#InputsFromFuorisalone | A Altra Bellezza do maestro Gaetano Pesce

O design deve voltar a reinterpretar a sociedade e nào apenas decorà-la.

No #InputsFromFuorisalone visitei uma das mostras que mais aguardava para a Milan Design Week: a do nosso maestro Gaetano Pesce que, vejam que interessante, chamava-se de ALTRA BELLEZZA. E nào è uma coincidència...

"E' verdade que na Història as mulheres foram sacrificadas em funçào dos preconceitos dos homens. E' como ser em prisào, è como andar por aì com esta pedra no pè por todo o tempo. O ùnico modo para examinar este conceito era mostrar a bola ligada ao corpo da mulher com uma cadeia". Frase escrita na parede da mostra por Gaetano Pesce.
Na mostra ele ensina que o Design que fica, que se torna referencial, nasce de uma idèia forte e aliada ao momento social. Foi o que aconteceu com a sua poltrona UP5, chamada tambèm de “Big Mama” ou “Blow up”, que parece um grande ùtero materno transmitindo a quem se senta uma sensaçào de proteçào. Jà o o puf, como um filho, è ligado a esta atravès de um cordào umbilical, e pode ser visto tambèm como uma corrente pesada, que a mulher carrega no curso de toda a sua vida e à qual o maestro referiu-se na frase acima.
Um objeto revolucionàrio, nào apenas pelo seu conceito, mas pelo material: vinha produzida em poliuretano, revestida com um tecido elàstico, confeccionada no vàcuo para depois readquirir a sua forma e as dimensòes originais uma vez aberta.

Uma clara mensagem ao mundo do Design e da Architettura, justamente no Salone del Mobile: a estètica da Forma deve-se fundar sobre a Bellezza, que è hoje um valor muito esquecido...

“Altra Bellezza” è um evidente manifesto da sua visào estètica do mundo, que prende vida nào apenas atravès da sua obra, mas tambèm atravès da cenografia que ele realizou e, maravilha, das frases e desenhos que ele mesmo pintou nas paredes... Uma emoçào indescritìvel percorreu a minha visào, pois a mo do maestro estava por toda a parte, piso incluìdo, como vemos nas imagens.

 

Uma mostra obrigatòria para os designers jovens que ainda nào decidiram que caminho tomar nesta profissào e se sentem desconfortàveis com o foco que a mìdia ou mesmo algumas indùstrias dào ao Design contemporàneo, quase sempre tratado como decorativo. Aqui ele nos ensina, do alto de sua imensa e rica trajetòria, que o Design tem uma funçào social e que nestes tempos ele deve sim interpretar os anseios, medos, dores e prazeres da sociedade.

 

Da beleza intensa desta mostra, emerge a sua concepçào da vida e da arte onde vence o valor da diversidade, a importància daquilo que normalmente è considerado defeito, a liberdade do conformismo e sobre isso, Pesce declara em um dos painèis o que ele pensa que serà o futuro: "Serà feito de flexibilidade, transparència e boas doses de cores, tolerància, abertura mental, pluralidade, adaptabilidade, elasticidade, organicidade, liquidez, incoerència, espontaneidade e nada de homogeneidade.

 

Vocè, designer, està pronto? Ou melhor, a sua indùstria està? Prepare-se!

Write a comment

Comments: 0

STUDIO FAH MAIOLI - Milan & Antibes

MAIL | contact@fahmaioli.com

INSTA | fahmaioli

FACE | fahmaioli

LINKEDIN | fahmaioli

PINTEREST | fahmaioli